quarta-feira, 29 de julho de 2015

as quatro estações


(Música do dia: Blame - Tiago Iorc)



Primavera...
Cores vibrantes.
Bocas falantes.
Pernas andantes.
Cheiros alucinantes.

Verão...
Calor escaldante.
Suor ambulante.
Praia abundante.
Corpo dançante.

Inverno...
Frio congelando.
Neve acumulando.
Chocolate esquentando.
Corpos se aconchegando.

Outono...
Ventos refrescando.
Folhas voando.
Pessoas andando.
Chuviscando e garoando.

-S.C

''Algo Clichê'' no Wattpad



Olá gente! Fazendo esse post bem rápido porque já estou atrasada para ir pra escola então vamos direto ao ponto.

Ontem tomei uma decisão muito importante: postei o primeiro capítulo de um livro em que estou trabalhando no momento no Wattpad, o qual estou chamando de ''Algo Clichê''.

Ainda não sei exatamente quando vou ter tempo de postar os outros, mas acho que vai demorar um pouco, mas peço a vocês que se puderem, por favor leiam.

Aqui está o link da minha conta no Wattpad.

Esse capítulo eu escrevi faz muito tempo, mas ultimamente eu fiz algumas melhoras, então espero que se for ler, que você goste!
Então é isso, gente! MEU DEUS, eu estou atrasada!

Beijos, e obrigada desde já!

-S.C

terça-feira, 28 de julho de 2015

RECOMENDO: Vicious



























Gente, FINALMENTE vou falar sobre essa série aqui no blog! VICIOUS!
Minha irmã começou a assistir essa serie primeiro, e depois de ler a sinopse fiquei interessada e comecei a assistir também!

Aqui é sinopse: Vicious mostra a vida de Freddie (Ian McKellen) e Stuart (Derek Jacobi), um casal de aposentados que passam o dia implicando um com o outro por desgaste de um relacionamento que já dura 48 anos. Freddie era um jovem ator de teatro e TV e Stuart um ex-barman que se diz “gerente de sucesso”. Freddie, Ms. Bixby, Violet, Manson e Penélope completam o elenco e fazem parte da rotina desse casal da terceira idade, porém a chegada de Ash, o novo morador jovem e atraente do prédio acaba mudando a rotina desses amigos. Definitivamente uma série cheia de piadas e o bom sarcasmo britânico.

Acho que essa sinopse reúne todos os pontos da série, mas vou falar mesmo assim.
Quem não lembra do Ian McKellen, o nosso eterno Magneto? Devo admitir que fiquei surpresa quando vi que ele estava nessa série, mas a atuação dele como Freddie é algo leve e divertido!

Vou falar do casal, que é o Stuart e o Freddie, que se amam e se odeiam também, e que são realmente uma comédia, e esse ciclo de amor e ódio é como o nome da série - vicious = vicioso.

E depois vem o Ash que é meio burro e que não sabe muito bem o que fazer com a sua vida. Tem a Violet que sempre está dando em cima do Ash, e tem uma vida romântica que nunca está bem. A Penelope é um amor, sério mesmo, e muito engraçada, ela sempre está esquecendo das coisas e misturando nomes e fatos. E tem o Mason também, mas ele mal aparece, e não tem muito bom humor.

Então, é isso!!! A série é muito pequena só tem 7 episódios a primeira temporada, e acabei em três dias!
BEIJOS E TCHAU!!!

-S.C

domingo, 26 de julho de 2015

superando a timidez talvez


OI GENTE! Estou aqui para lhes contar algo muito incrível que aconteceu comigo nessa semana, provavelmente vocês vão pensar que é um pouco bobo, mas para mim é algo muito sério.

Falar em público sempre foi o meu maior medo. E não me perguntem a razão, porque sendo sincera, eu não sou capaz de lhes responder essa pergunta.

Na quinta, houve uma apresentação do trabalho de Geografia, e todo mundo da minha sala estava super nervoso e estavam se organizando para a apresentação, afinal aquela era a nossa nota!

E como você acha que eu estava? Meu nervosismo estava em uma marca de 50%, e estava tentando ao máximo convencer-me por pensamento de que conseguiria fazer aquilo sem que ninguém risse da minha cara. Eu sei, eu sei. A imaginação voa alto e bem longe.

Sei que parece ser loucura, e sei que apesar da minha fala ser somente 7 linhas, estava agindo como se fosse apresentar aquilo tudo sozinha, mas o que poderia fazer?

Quando a professora chegou na sala, o meu nervosismo subiu para 80%, mas quando a vez do nosso grupo chegou? Sei lá, acho que deve ter ido para uns 1000%. Se não mais!

Meu coração estava acelerado, e estava segurando o papel com a minha fala como se fosse a chave para acabar com a escassez da água no planeta.

Mas no fim de tudo, acho que me sai bem. Falei sem gaguejar, e tentei fazer o meu tom de voz - que é muito baixo - o mais alto que me era possível.

Ai, vocês não tem ideia de como fiquei aliviada quando a apresentação finalmente acabou! Só me faltava sair cantando pelos corredores Hallelujah!

Eu sou aquele tipo de pessoa que falta a escola e finge que está doente só para não apresentar trabalhos, mas acredito que eu tenho que parar de fugir, e aprender a enfrentar esse meu medo.

Beijos,

-S.C

sábado, 25 de julho de 2015

Playlist: 5 Bandas que conheci por causa do meu pai


Uma grande parte da minha vida foi marcada pela trilha sonora que ouvia sempre que meu pai está em casa, toda a minha infância foi assim, e por causa desse fato, houve músicas que não saberia dizer de quem era se não houvesse escutado aquelas mesmas músicas que meu pai escutava, e ainda escuta.

Por essa razão, resolvi fazer um post sobre as cinco bandas que não teria conhecido sem o conhecimento musical do meu pai. Algumas vocês podem até conhecer, mas outras acho que não, vamos ver, ok?

1.A-Ha

 

2.Queen
  
 

3.The Cure


4.Men At Work

 

5.ABBA
  
 

Nossa, deu uma nostalgia fazendo esse post! Então é isso gente! Espero que tenham gostado e que comentem e compartilhem com outras pessoas!
Beijos e tchau!

-S.C

sexta-feira, 24 de julho de 2015

Então, estou muito bem, obrigada!


(Música do dia: Umbilical - Tiago Iorc)





Espero que as pessoas saibam que é verdade quando digo que eu não quero namorar, pelo menos não por um bom tempo.

Por incrível que pareça, este ano está sendo um dos únicos em que eu não estou apaixonada por ninguém! E estou querendo me manter dessa maneira.

Acho que existe essa época na vida em que só queremos estar bem com nós mesmas, e falando bem sério: não há ninguém em que estou interessada exatamente. Então, estou muito bem, obrigada!

Já tenho o suficiente na minha vida sem ter que me preocupar com namorado, agora imagine só a bagunça que a minha vida ficaria se eu tivesse um!

No momento, eu estou querendo mesmo focar nos meus estudos, no blog, e na minha escrita, que são as coisas mais importantes na minha vida neste momento.

Quando falo ás pessoas que nunca mais beijei ninguém desde o meu primeiro beijo quando eu tinha 7 anos, tenho a leve impressão de que elas não acreditam.

Mas se você quiser saber, essa é a mais pura verdade.
Alguns garotos já me cantaram, já pediram para ficar comigo, e eu sempre decidi pelo método de não permitir que os avanços deles não... avancem, não é?

Nunca houve um garoto que me fez pensar no quanto eu queria beijá-lo, sabe? Nunca tive aquela sensação com ninguém. Nunca houve um momento perfeito em que eu soube que eu queria beijar um certo alguém.

Sei que pode soar meio estúpido, mas não é errado você pensar que haverá um momento na sua vida, em que você vai olhar para aquela pessoa e pensar: Como seria se ele me beijasse?

Sim, me chamem de romântica, me chamem de clichê, mas não dispenso essa parte de mim. E ainda vou esperar por esse momento. Não importa, eu vou esperar.

-S.C

quinta-feira, 23 de julho de 2015

TRAILER DE MOCKINGJAY PART 2!






















GEEEEEENTE! Assunto urgente aqui! Saiu o TRAILER de MOCKINGJAY - PART 2!!!
AI GENTE! O trailer está absolutamente maravilhoso, tão maravilhoso que palavras não podem explicar, só você vendo o trailer mesmo.
É só você dar o play aqui embaixo!





Sem palavras!!! E aí gostaram, ou somente AMARAM??? É isso então!
Beijos do Tordo (trocadilho tosco, mas tudo também)!

-S.C

mil razões


(Música do dia: Mil Razões - Tiago Iorc)



Quando eu te vejo
O calor do peito
Visão com defeito

Seus olhos da noite
A doçura
A ternura

Quando nos tocamos
Seu beijo com fogo
Nossos corpos um jogo

Seus cabelos ao vento
A teimosia
A paralisia

Quando você sorri
Coração acelerado
Bobo e apaixonado

Sua pele com sardas
Neve branca
Língua franca

Quando você chora
Seu olhar triste
Dor que persiste

Seu sorriso de canto
Fico indefeso
Não ileso

Quando você fala
Mente leve
Nada descreve

Sua boca sussurra:
Eu te amo
E de vez eu gamo

-S.C

quarta-feira, 22 de julho de 2015

15 of my favourite feelings




Oi gente!!! Hoje vou falar sobre essa tag que vi no YouTube chamada '15 of my favourite feelings' que foi o irmão do John Green, o Hank que criou. 

Tava vendo os vídeos da Melina Souza do Serendipity e me deparei com esse vídeo, fiquei curiosa e dei o play. Gostei tanto do vídeo, que decidi responder essa tag aqui no blog, porque não possuo uma câmera boa o suficiente para gravar vídeos assim, mas aí eu pensei: Sabe o que mais? Vou fazer escrito mesmo! 

Ninguém me indicou para essa tag, então vou fazer porque achei muito legal e ver o vídeo da Mel só me inspirou ainda mais. Então aqui está as minhas 15 sensações favoritas!
1.Amo o cheiro de chuva;
2.Amo deixar as minhas mãos e os meus pés quentes;
3.Amo me enrolar em um edredom quando tá muito frio;
4.Amo o cheiro de pão saindo do forno;
5.Amo segurar a caneca com chocolate quente com as duas mãos;
6.Amo cheiro de livro;
7.Amo a sensação quando eu escrevo;
8.Amo quando eu relaxo escutando música;
9.Amo quando um livro me prende na primeira linha - a sensação sempre me faz rir;
10.Amo a sensação de rir de coisas que não tem graça;
11.Amo quando alguém me abraça apertado;
12.Amo a sensação de relaxamento que tenho depois de ter feito algo que queria fazer há muito tempo;
13.Amo quando acho a posição perfeita para dormir;
14.Amo a sensação de felicidade quando compro um livro;
15.Amo a sensação que me dá de todas as coisas boas quando vejo as visualizações do blog, e de saber que tem gente que vê as coisas que eu posto aqui, realmente me deixa muito feliz!

Então é isso gente! Essa é a minha resposta para essa tag, espero que vocês tenham gostado! Se quiserem comentar, fiquem a vontade, ok? Beijos e tchau!

-S.C

segunda-feira, 20 de julho de 2015

RECOMENDO: Baby Daddy

(Da esquerda para a direita: Danny, Ben e Bonnie. Da direita para a esquerda: Tucker, Emma <3 e Riley.)




















OLÁ GENTE! Percebi que estou fazendo muito Recomendo ultimamente, mas acho que não é coisa tão ruim assim, não é? E hoje especialmente irei falar sobre BABY DADDY!

Essa foi uma daquelas séries de comédia que eu coloquei na minha geladeira e pensei que nunca mais ia sair de lá, mas nesse mês que teve a greve, assisti os três primeiros episódios e me apaixonei pela série.

SINOPSE: A série conta a vida de Ben, um jovem que até então tinha uma vida de solteiro normal, até que uma ex-ficante abandona um bebê em sua porta, deduzindo que seria sua filha. A partir disso, a vida de Ben muda completamente, e junto com seu irmão Danny, seus melhores amigos Tucker e Riley, e sua mãe Bonnie, aprenderá a ser pai enquanto vive cotidianos engraçados.

A série é de comédia, mas explora mais coisas do que somente isso. Fala também sobre a família, amizade, relacionamentos e responsabilidade.

Vou falar sobre o personagem que eu mais amo: DANNY! Ele é o irmão mais velho de Ben, joga hóquei no gelo, e vamos apenas dizer que não é a pessoa mais inteligente para entender algumas coisas. Mas ele um fofo gente! Vou soltar o spoiler logo sabe? ATENÇÃO SPOILER: Danny é apaixonado por Riley desde sempre, porque eles sempre foram melhores amigos, então...

Sobre Riley, eu gosto dela, e shippo MUITO ela com o Danny! Tá bom, eu gosto muito do Ben também, mas o que posso fazer? Danny é um fofo, e está claro que a Riley apesar de se dizer apaixonada pelo Ben, contém alguns sentimentos por Danny.

Não sei o que falar sobre a Bonnie e o Tucker, apesar pelo fato de que os dois são LOUCOS! Na verdade, sabiam que eu até considero eles um ship?

E é claro: Emma! Gente, essa bebê é uma fofura! Dá vontade de entrar na tela e apertar as bochechas dela! E ela sabe atuar também, viu? Coisa mais linda da série! Bem, tirando o Danny é claro!

Espero que tenham gostado da recomendação de hoje!
Beijos!

-S.C

não precisa me trazer flores


(Música do dia: Cataflor - Tiago Iorc)




Não precisa me trazer flores.
Só quero que você me abrace.
E que pela cintura me enlace.

Não precisa me trazer flores.
Dê-me um beijo de boa noite.
Me beije com afoite.

Não precisa me trazer flores.
Pode ser chocolate.
Ou até mesmo abacate.

Não precisa me trazer flores.
Quero que me faça voar.
E que faça a minha boca borrar.

Não precisa me trazer flores.
Basta você dançar comigo.
E me oferecer seu ombro mais que amigo.

Não precisa me trazer flores.
Vamos assistir ao entardecer.
Algo que não podemos descrever.

Não precisa me trazer flores.
Mas se você trouxê-las, tudo bem.
Afinal, flores não fazem mal a ninguém.

-S.C
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...